Fruteira

De pessoas reais para pessoas reais

O Bendito Fruto é um trabalho fotográfico desenvolvido pelos fotógrafos Maiquel Borges e Renata Schmorantz, que combina fotografia com a arte de contar historias num esforço constante de humanizar a fotografia.

Através desse trabalho atuamos na desconstrução do mito das pessoas normais, aquelas que não necessariamente se enquadram dentro de padrões de beleza como os da industria da moda, da televisão ou das revistas de beleza mas que nem por isso deixam de ser incrivelmente bonitas, sensuais e maravilhosamente complexas e também das que estão inseridas nesse padrão, mas que em ambos os casos são muito maiores do que ele. 

Mostrar que são pessoas com muito mais a oferecer do que apenas sua aparência. Pessoas reais com sonhos, medos, receios e anseios mas principalmente, com historias.

Nossa proposta é a de entregarmos um lado real e genuinamente humano da fotografia, por esta razão não manipulamos digitalmente os atributos físicos de quem é fotografado. Nossa proposta é a de entregar uma experiência muito mais do que um produto.

Capturar ao máximo a sua personalidade, lhe dando poder autoral sobre o resultado das fotos.

Valorizar a beleza natural do ser humano, sua diversidade, sua espontaneidade e todas as suas características pessoais, inclusive aquelas que muitas vezes vemos como defeitos.

Aliando fotografia e narrativa, a primeira como forma de expressão corporal, a segunda para dar voz a esses corpos e transformá-los em mais do que apenas imagens a serem admiradas, damos à você poder sobre seu próprio conteúdo e formato, evidenciando suas historias e personalidades.

Para isso criamos um espaço para que as pessoas possam descobrir a si mesmas, se abrir, falar sem julgamentos. Possam se admirar, se gostar e principalmente enxerguem em si tudo de melhor que possuem.

Vamos manter esse espaço sempre disponível e aberto para dialogo e abordar o maior numero de temas relacionados ao comportamento humano que pudermos.

Maiquel Borges

Maiquel Borges

Apaixonado por comida e boa musica, virei fotógrafo por que muitos acasos quiseram que eu encontrasse na fotografia a calmaria que minha alma sempre buscou.

Desde que compreendi o poder dessa linguagem, tenho feito uso dela pra expressar toda sorte de sentimentos através da minha forma de enxergar o mundo e as pessoas nele"

Renata Schmorantz

Renata Schmorantz

"Se você viu alguém na rua agarrada em um cachorro, provavelmente já nos conhecemos.

Achei nas pessoas que se descobrem uma forma de descobrir a mim mesma. Trabalho ao lado do Maiquel produzindo conteúdo, ideias e resultados"